11. Macaco Azul

11. Macaco Azul

Número11
Em maiaChuen
PoderMagia
AçãoBrincar
EssênciaIlusão
ArquétipoO Ilusionista

Palavras-chave

Magia, brincadeira, imitação, artista, artesão, inocência, espontaneidade, criança interior, humor, transparência.

Macaco Azul é o artesão, o costureiro do tempo, o escriba, o trapaceiro, o agente brincalhão da ilusão mágica. Sua energia é conhecida por tecer novos padrões, soluções criativas e expressões ou invenções artísticas. A mensagem do Macaco é: “não leve você mesmo tão a sério”.

O Macaco nos lembra que somos todos crianças do universo que vieram aqui para brincar com a mágica de cada dia em que estamos imersos. Quando acolhemos a espontaneidade e encaramos a brincadeira como uma parte essencial da totalidade da nossa vida, encontramos cura, liberdade e alegria.

Esse selo carrega o poder do humor e da diversão diante dos altos e baixos da vida. É a energia da Criança Divina dentro de nós, a criança que está sempre em estado de sabedoria, inocência, confiança e simplicidade. O Macaco Azul percebe que a vida é apenas um grande jogo, uma ilusão. Sua flexibilidade nos impede de empacar em nosso caminho.

Através da inocência, uma espécie de imunidade é criada, que nos permite ser transparente diante das pedras e flechas da vida, permitindo que elas passem por nós sem machucar. A transparência é o caminho para a nova consciência.

Ao olhar para os olhos de uma criança alegre de dois anos, você verá a confiança, a alegria e a espontaneidade que definem uma Criança Divina. Na infância, você não precisava lembrar a si mesmo de ser brincalhão, você podia facilmente expressar suas emoções sem precisar entender os porquês de tudo – pois já sabia com o coração. Este é o seu estado natural de ser, o estado de êxtase, o caminho da inocência.

Na cultura ocidental, muitas pessoas têm um entendimento errado do que é ser um ser humano. Frequentemente somos ensinados que adultos de sucesso são responsáveis, sérios, rígidos, controlados e com objetivos. Na sua jornada com a sociedade, seus estágios de desenvolvimento podem ter ficado incompletos. A sensibilidade, fluidez e liberdade naturais de uma criança podem ter sido deixadas pra trás em algum momento. Talvez sua criança interior tenha sido ferida e você carregou esse processo para a vida adulta. O Macaco Azul encoraja a curar e reintegrar essa parte incompleta e ferida em você.

Não se leve tão a sério num dia regido pelo Macaco, encare a vida com humor e flexibilidade. É um lindo dia para rir e brincar com a vida. É interessante criar surpresas e eventos inesperados nesse dia. O Macaco Azul é a energia perfeita para curar a criança interior.

O que o Macaco diz sobre mim?

O presente da sua identidade cósmica é ser um sábio e caprichoso artesão místico, um trapaceiro sagrado, um artesão inventivo, aquele que encontra a mágica no mundano.

Sendo um Macaco Azul, você possui a capacidade de ser um ser astuto e de coração iluminado, ser um estudante e um professor da misteriosa brincadeira de existir, enxergar através das ilusões desse mundo; construir, desmantelar, surpreender, sorrir e iludir seu caminho através dos desafios da vida; ser uma curiosa criança do universo, energizando os poderes curativos e brilhantes da indiscrição, espontaneidade, alegria e da admiração, de forma a elevar e iluminar.