Os 20 Selos Solares

Os 20 Selos Solares

Existem 20 Selos Solares na matriz do Tzolkin, cada um deles com qualidades únicas representando as energias vindas do Sol. Eles podem ser interpretados como arquétipos, e lembram um pouco os signos do Zodíaco.

Para os maias, os Selos eram energias vibratórias que indicavam a nossa missão na vida. Baseado em sua data de nascimento, você é designado a um Selo Solar como sua energia principal.

Essa energia, combinada com o seu Tom Galáctico, pode te ajudar a se conectar com a sua essência e entender por que você está aqui e o que você veio fazer.

Podemos vivenciar essas energias de duas formas. Como somos seres espirituais, estamos sempre conectados ao nosso nível da alma (a Luz) e ao nível do nosso ego (a Escuridão). Isso nos faz vivenciar, por exemplo, uma mesma energia de duas formas diferentes. Isso explica por que as pessoas com o mesmo Kin podem ter atitudes e experiências diferentes em suas vidas.

Todos os 20 Selos são apresentados seguindo o padrão de cores das Harmônicas (vermelho, branco, azul e amarelo). Existem 5 selos para cada cor.

Juntos, os Selos são chamados de Nação do Arco-Íris, todos com um papel igualmente importante para o equilíbrio do Universo.

O Dragão dá nascimento às coisas e as nutre; o Vento as move e comunica o seu sentido espiritual; a Noite deixa que penetre o sentido na psique através dos sonhos e da abundância do Universo, para que a Semente acerte no florescer da matéria; e a Serpente mantenha a força vital da sobrevivência para transcender a morte e contactar outras dimensões do Enlaçador de Mundos, e compreender a missão de cura que todos cumprimos com a Mão; para embelezar tudo na vida da Estrela em relação à pureza emocional da Lua e, assim, experimentar o amor e a lealdade do Cachorro e desfrutar a magia da vida como o Macaco ao poder manifestar o livre-arbítrio do Humano, para se dar conta das coisas e explorar o espaço do Caminhante do Céu e mudar a percepção do tempo do Mago e, assim, ver tudo o que foi criado pela Águia e poder questionar tudo sem medo como o Guerreiro, e navegar com sincronicidade na evolução da Terra, ao chegar ao reflexo da transparência em todas as relações do Espelho, para provocar uma transformação na Tormenta, mostrando e iluminando tudo sob o Sol.

Os Selos caracterizam a energia de cada dia com as forças geradas através das explosões solares. Saber identificar essas energias nos coloca em sintonia com elas.

Saber aplicá-las em nosso dia-a-dia nos introduz em um processo de sincronicidade, ou seja, passamos a atuar como seres solares, que somos por natureza e, assim, a vida nos conectará com a nossa real missão de momento a momento.

Os mesmos Selos aparecem em posições diferentes dependendo do Tom Galáctico atribuído a eles, mas os significados não mudam.