02. A Suma Sacerdotisa

A Suma Sacerdotisa

Eu sou a Suma Sacerdotisa
Codificada pelo Vento Branco
Entro em seu universo
Através do Segundo Portão de Luz
Meu número é dois
O desafio do Vento
Conforme ele viaja por todas as direções
Aproveitando o poder da “palavra”
Deixe sua língua falar somente o glorioso
É meu desafio para você – pois sou a Senhora dos Ventos
Guardiã dos túneis mentais abertos através da canção cristal
De minha coroa, meu cabelo emerge
Como a crista do infinito
Sou a portadora do espírito da profecia
Aproveito a energia da respiração preenchendo o corpo com vitalidade
A joia em minha testa é a sabedoria indestrutível da iluminação
Cada pensamento meu
É enviado por decreto divino
Meu comando é sempre direcionado
Somente para a sua essência espiritual
Escuta-me sempre quando o vento
Surge do nada

Todos os Arquétipos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *